TEXTILOBO

the textile company

Oriente invade guarda-roupa

1024 952 TEXTILOBO

Um rápido mergulho pelos portais de comércio eletrónico de algumas marcas da high street e uma curta viagem pelas montras do retalho deixam perceber que, neste verão, apenas um destino importa: o oriente. Dos quimonos longos às blusas de inspiração oriental (entre estampados e silhuetas) passando pelos vestidos, saias e acessórios – incluindo calçado – com padrões alusivos, o ocidente e oriente nunca estiveram tão próximos na subida das temperaturas. A tendência começou na passerelle do luxo e, mais concretamente, com o contributo de Alessandro Michele, diretor criativo da Gucci. Diane Von Furstenberg, Prada e Jonathan Saunders beberam inspiração na mesma fonte e os tecidos leves, as silhuetas fluidas e os padrões florais – ou mesmo os tradicionais dragões – dominaram as coleções dedicadas à primavera-verão 2017. in Portugal Têxtil

ler mais

A renda no masculino

960 720 TEXTILOBO

Até aqui um reduto do guarda-roupa feminino, as rendas alargaram o seu raio de atuação e alcançaram o menswear nesta primavera-verão. Depois de jumpsuits de cores fortes e padrões indiscretos terem invadido o guarda-roupa dos homens sem medo de arriscar, chegou a vez de coordenados masculinos experimentarem a delicadeza das rendas. A proposta foi feita pela marca norte-americana Hologram City, que incluiu na sua última coleção coordenados rendados – transparentes – e em tons pastel. A ousadia da marca valeu-lhe vários comentários na rede social Instagram – na qual as fotografias dos looks totais em renda foram inicialmente partilhadas. As críticas dos cibernautas prendem-se sobretudo com o exagero, mostrando-se dispostos a introduzir rendas nos coordenados, mas jamais em look total. in Portugal Têxtil

ler mais

Proposta portuguesa apresentada na Intercolor

1134 523 TEXTILOBO

Decorreu em Banguecoque, na Tailândia, de 24 a 26 de maio, o encontro Intercolor em que foram discutidas as propostas de cor para a primavera/verão 2019. A ANIVEC/ APIV é o representante oficial de Portugal e o Modatex foi designado entidade executora, pelo que desenvolve a proposta portuguesa e representa a ANIVEC/APIV nestes encontros. O tema proposto pela equipa portuguesa para esta estação designa-se “Realidade”. A projeção da Intercolor resulta da concertação das propostas de todos os países membros e baseia-se numa análise dos contextos macro e de cada país, dos valores, estilos de vida e ambientes transversais às diferentes realidades e mercados. As reuniões da Intercolor decorrem sazonalmente, duas vezes por ano, sendo organizadas de forma rotativa entre os países membros e constituem um fórum de discussão sobre a cor. A Intercolor é uma organização internacional sem fins lucrativos criada em 1963 e que conta atualmente com a participação de 16 países: Alemanha, China,…

ler mais

ITV indiana choca o mundo

1000 667 TEXTILOBO

Embora o realizador indiano Rahul Jain não se tenha proposto a fazer um filme político, o seu premiado “Machines” está a atrair a atenção internacional devido à sua representação da miséria e do sofrimento humano que sustentam a indústria de vestuário. O documentário de Jain inaugurou a Copenhagen Fashion Summit (ver O calcanhar de Aquiles da moda), evento no qual se reuniram executivos de marcas de vestuário líderes, instituições de solidariedade social e políticos para discutir a moda ética e sustentável. No filme, o realizador Rahul Jain apresenta um retrato íntimo do ritmo de vida e de trabalho de uma gigantesca fábrica têxtil em Gujarat, Índia. Movendo-se pelos corredores e entranhas da estrutura, a câmara imerge o espectador num espaço de exploração laboral e de trabalho infantil, provocando uma reflexão sobre as condições de trabalho da cadeia de aprovisionamento global. Desde a década de 1960, a região de Sachin, no oeste da Índia, sofreu uma industrialização…

ler mais

Camisas masculinas com perfume de mulher

1000 552 TEXTILOBO

  Às riscas ou no intemporal branco, as camisas masculinas são um dos essenciais ao guarda-roupa feminino nesta primavera-verão. O seu uso foi imortalizado por filmes e séries, mas agora deixa de se tratar de um assalto ao guarda-roupa do homem para se transformar numa compra em qualquer marca ou retalhista. As camisas oversized de inspiração masculina são uma das apostas fortes da moda para a estação quente e podem ser encontradas nas propostas de retalhistas como a H&M, Mango ou Zara que, respeitando a silhueta feminina, propõem a peça com proporções exageradas e pormenores românticos como laços, folhos ou bordados. As mangas querem-se compridas e a paleta deve manter-se o mais fiel possível ao clássico masculino, privilegiando o branco, azul-marinho, cinzento ou preto. in Portugal Têxtil  

ler mais

As silhuetas deste verão

840 640 TEXTILOBO

  Os vestidos são, ano após ano, a peça favorita do verão. Compridos, curtos ou midi, para o dia-a-dia ou para um evento especial, esta peça oferece um look completo e feminino, podendo oscilar entre o chique, o casual e o trendy. Ainda assim, há silhuetas impossíveis de contornar. O vestido envelope, popularizado por Diane von Furstenberg, é um dos modelos intemporais e mantém a relevância ano após ano. A ele junta-se o vestido de um só ombro, muito popular este verão, mas já um clássico no guarda-roupa feminino. A silhueta do kaftan e do sleep dress (vestido-lingerie de alças finas) também vão mantendo a sua força nos coordenados femininos. Os vestidos com folhos, sejam eles na lateral ou nas mangas, são também um bom investimento. Por último, os vestidos monocromáticos de comprimento midi nunca perdem o seu apelo, podendo ser usados em diferentes ambientes com a ajuda do calçado e dos acessórios. in Portugal…

ler mais

Nova movida em Tóquio

640 427 TEXTILOBO

Tóquio é, para os amantes de moda, um destino repleto de inspiração, da arquitetura às paisagens naturais, passando pelo talento emergente de design. Nas últimas estações, a cidade abraçou novas tendências, como o revivalismo de marcas clássicas, e abriu portas a novos pontos de retalho. A capital japonesa é um verdadeiro caldeirão de estilos e ainda que muitos dos seus designers estejam a deixar-se levar para a vizinhança de Seul como a mais recente inspiração, a semana de moda de Tóquio tem sabido manter a sua posição como a principal montra da moda da Ásia. O forte pendor comercial e a aposta clara no streetwear continuam a ser as suas mais-valias. Todavia, é bem mais pela rua, que funde street style com espaços de retalho, do que pela passerelle, que Tóquio apaixona a comunidade moda internacional. O lugar do estilo de rua de Tóquio na moda, design e arte é incontornável, analisando os trajes góticos…

ler mais

Homens dourados no verão

800 600 TEXTILOBO

Tal como acontece no guarda-roupa feminino, o amarelo domina as propostas de pronto-a-vestir masculino na primavera-verão 2017. Do mostarda ao amarelo ácido, as t-shirt, shorts, calças e os acessórios ficam mais próximos do sol com a subida das temperaturas. Numa estética sportswear ou simplesmente numa alfaiataria mais casual, como proposto pelo designer russo Gosha Rubchinskiy, a cor oferece uma dose de diversão aos coordenados de homens sem medo de arriscar. No retalho, a Topman sugere inclusivamente o tom em look total e em marcas de luxo como a Bottega Veneta há camadas de diferentes gradações. Nas coleções da Hermès e de Rick Owens o amarelo é combinado com um amigo improvável da paleta, o castanho. Ainda assim, os especialistas aconselham apenas uma peça no tom garrido e o restante coordenado em tons neutros, como o champanhe. in Portugal Têxtil

ler mais

Desfile de moda duplica clientes nas ruas de Braga

960 560 TEXTILOBO

Com uma área pedonal alargada e comércio dinâmico, a zona histórica de Braga é considerada como o maior centro comercial ao ar livre do país e o desfile de moda anual promovido pelos comerciantes acentua essa dinâmica. Nas semanas seguintes o movimento nas lojas chega a duplicar, diz a Associação Comercial. “No final do desfile, fazemos um inquérito junto dos comerciantes para perceber o retorno do evento. Aquilo que notamos é que nas duas semanas seguintes ao evento o volume de tráfego nas lojas chega a duplicar, face a semanas anteriores. Este é um bom indicador porque o comércio faz-se de oportunidades”, disse Rui Marques, director-geral Associação Comercial de Braga (ACB), ao jornal Correio do Minho. Com um público rendido às propostas das colecções para Primavera/Verão apresentadas na passerela da Praça do Município por cerca de 30 lojas do centro da cidade, o diário bracarense sublinha que o IX Moda em Movimento teve uma edição…

ler mais

Há vida na têxtil para além da roupa?

940 705 TEXTILOBO

O futuro da ITV não se esgota no fabrico de calças e camisas, lençóis ou edredões. A têxtil já começou a invadir outros sectores, como o dos transportes, a saúde e até a construção civil. Fibras naturais de linho e cânhamo entram na composição da estrutura dos carros da série I da BMW. Sensores integrados no vestuário monitorizam em permanência órgãos do corpo humano, substituindo com vantagem exames médicos. E na reabilitação de estádios para o Mundial do Brasil foram usadas estruturas têxteis. Não, não é ficção científica, há vida na têxtil para além da roupa. É com a expressão proverbial “sim, mas…” que Braz Costa, director-geral do CITEVE responde à pergunta do mês do T. É precisamente neste centro de investigação, em Famalicão, que são desenvolvidos projectos em parcerias com empresas visando melhorar as performances tecnológicas da ITV e encontrar vida para o têxtil além da roupa. Engenheiro mecânico e gestor de formação, Braz…

ler mais
EnglishFrançaisDeutschPortuguêsEspañol